Menu Button

Implementação da OPC na Dinamarca, na Polónia, e na República Checa a partir do dia 7 de fevereiro de 2017

Pagar um voo com cartão de crédito é hoje uma rotina para muitos viajantes. Contudo, surgem custos associados aos pagamentos com cartão de crédito nas companhias aéreas, uma vez que a instituições de crédito cobram uma taxa sobre todas as transações. Os serviços suplementares para o cliente, como por exemplo, as coberturas de seguro, são cofinanciados desta forma.

E por essa razão, com a implementação da OPC em janeiro de 2011, o Grupo Lufthansa decidiu contribuir para os custos associados aos serviços do cartão de crédito suportados pelos utilizadores.  A partir do dia 24 de janeiro de 2017 (data da emissão do bilhete), as companhias Austrian Airlines, Brussels Airlines, Lufthansa e SWISS irão alargar a aplicação da taxa sobre os pagamentos com cartão de crédito (OPC) aos seguintes países: Dinamarca, Polónia, Portugal, República Checa e Hungria.

Na Austrian Airlines, na Lufthansa e na SWISS o valor da OPC equivale a 1,65 % do preço do bilhete.  O valor ascende a um máximo de 190 DKK, 25 EUR, 680 CZK e 7 700 HUF por bilhete.

A Brussels Airlines cobra montantes absolutos de OPC em função do local de início da viagem, quando os valores ultrapassam 60 DKK, 35 PLN, 8 EUR, 210 CZK e 2 500 HUF.

O OPC será introduzido em todos os canais de venda e cobrado automaticamente nos sistemas de distribuição global (GDS).

Publicado:

Voltar