Menu Button

Juntar o útil ao agradável

Tempo livre em viagens de negócios

O “bleisure” é cada vez mais apreciado e, de ano para ano, cada vez mais colaboradores desejam prolongar as suas viagens de trabalho com alguns dias livres na cidade de destino. Com o tempo, muitas empresas foram reconhecendo que o “bleisure travel” produz um efeito positivo nos colaboradores e proporcionam esta forma de tempo livre.

Mas não são apenas os millennials que querem prolongar o período de viagem. Também os baby-boomers e os principiantes no mundo do trabalho têm especial gosto em associar alguns dias livres aos seus dias de trabalho.

América do Norte, Europa e Ásia: são estes os principais destinos de viagem “bleisure travel” e os dez destinos mais apreciados* para prolongar os dias de trabalho com tempo livre são os seguintes:

  • Nova Iorque
  • Chicago
  • Los Angeles
  • Telavive
  • Londres
  • Paris
  • Milão
  • Tóquio
  • Singapura
  • Xangai

*Descubra histórias empolgantes e muitas recomendações de viagem sobre estes destinos também no Lufthansa Travel Guide.

Estes destinos são alguns dos clássicos das viagens de trabalho. Mas estas cidades são muitas vezes também destinos de sonho para quem viaja a título pessoal e merecem uma estada de pelo menos uma semana. Mas não é qualquer empresa que concede aos seus colaboradores uma semana extra. Para conhecer a cidade, o importante é saber qual a melhor forma de aí aproveitar o tempo livre.

Faz sentido refletir previamente sobre o que gostaria de ver ou que experiências gostaria de viver. Quando já estamos no local, na maioria das vezes sentimo-nos assoberbados com tantas ofertas e possibilidades e perdemos tempo precioso a planear o dia. Por isso: investigue previamente e pergunte ao seu agente de viagens o que é imprescindível fazer e ver.

Se tiver pouco tempo disponível, vale a pena comprar previamente bilhetes para museus ou para os transportes urbanos. Evita assim filas de espera desnecessárias. E questione-se sobre se deverá visitar os principais pontos de atração da cidade em plena época alta. Nestes locais há que contar com uma enorme afluência. Se calhar esse tempo pode ser mais bem aproveitado.

Contudo, a sugestão mais importante que deve sempre ter em mente é: não stresse. Consciencialize-se de que, se só tiver dois ou três dias à sua disposição, não vai poder conhecer tudo o que a cidade tem para oferecer. E nem deve tentar. Caso contrário, ficará ainda mais cansado e tenso do que antes de sair de casa! O melhor é fazer uma pequena seleção do que vale a pena ver e apreciar tudo o melhor possível. Lembre-se: o “bleisure travel” deve ser para si uma oportunidade de descontrair e de usufruir de alguns bons momentos antes de regressar ao escritório.

Esta descontração pode aliás começar desde logo no voo de ida. Com o PartnerPlusBenefit, pode também usar os seus pontos Benefit em upgrades.

Publicado: